Este Porsche 911 foi feito para um sultão e é de um campeão de F1. Agora está no mercado

viver

Este Porsche 911 foi feito para um sultão e é de um campeão de F1. Agora está no mercado

É um clássico, está em excelente estado e encontra-se em leilão até quinta-feira. A sua história está bem documentada: foi produzido para o sultão do Brunei e estava na garagem do piloto Jenson Button.

Ainda miúdo e sem idade legal para conduzir, o piloto Jenson Button usou o prémio de uma corrida de karts para comprar o primeiro carro - um Vauxhall Cavalier que transformou ao seu gosto - novos pneus, suspensão Sachs e colunas personalizadas. Aos 19, já na Fórmula 1, adquiriu o primeiro de vários Ferrari: um V8 355 GTS que ainda conduz e que continua a ser dos seus carros preferidos.

O britânico, 41 anos, pode ser mais conhecido como piloto de Fórmula 1 e por ter vencido o campeonato do mundo em 2009, mas entre os entendidos é também famosa a sua coleção de carros, que renova, amplia e modifica a seu bel-prazer. Já teve um Ferrari Enzo que vendeu ao fim de duas semanas por não cumprir as expectativas na estrada e também pôs no mercado um Bugati e um McLaren P1. Entre os 'cromos' da sua coleção estão uma pão de forma Volkswagen, um Ford Bronco de 1976, um Pontiac GT0 de 1970, um Ford GT, um Crevrolet e o valioso Ferrari 275 GTS, avaliado em 2 milhões de euros. Menos de mil carros foram produzidos e, claro, se este chegasse ao mercado seria muito lucrativo.

Ao longo do tempo, Button também adquiriu várias viaturas da Porsche. Entre elas um Porsche 911 (964) Turbo 3.6 X88, de 1994, que agora foi posto à venda numa leiloeira especializada em carros clássicos. "Chegou a hora de deixar ir esta beleza", escreveu o piloto e consultor da Williams no Instagram.

Disponível para licitações há uma semana, o Porsche 911 está em 234 mil euros e já recebeu mais de 50 ofertas na Collecting Cars. A sua história está bem documentada, o que só lhe acrescenta valor.

Este carro foi produzido originalmente por encomenda do Sultão do Brunei, diz a leiloeira. Vários dos seus componentes foram melhorados, incluindo o turbo. Mas um dos aspetos que mais chama a atenção é a cor: Horizon Blue metálico. É o único desta série que saiu da linha de montagem com este tom, o que torna realmente único. Acresce que é também um dos escassos 13 Porsche 911 (964) Turbo que foram construídos com o volante do lado direito - uma desvantagem para as estradas portuguesas.

O habitáculo também foi personalizado para o primeiro dono. Pele azul marinho nos assentos e no volante.

Veja aqui o carro na estrada:

Outra curiosidade da biografia do carro é que foi adquirido por Jenson Button pouco depois de ter vencido o campeonato do mundo de Fórmula em 2009 e, a julgar pelo conta-quilómetros, não tem saído muitas vezes da garagem. Tem menos de 30 mil quilómetros.

O carro tem gerado interesse a julgar não só pelo número de licitações como pelos comentários e pelas dúvidas que surgem. Há quem se questione sobre as inspeções do carro (estão em dia) e outro utilizador pergunta se o carro pode ser enviado para o Japão. A resposta é curta e incisiva. Sim, a custas do futuro proprietário.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG