Foi para casa o bebé que nasceu da canoista em morte cerebral

Salvador, o bebé prematuro que nasceu de uma mãe em morte cerebral, teve alta esta terça-feira. O Hospital de S. João, unidade do Porto onde foi o parto, promete explicações para esta quarta-feira.

Salvador, também apelidado de "bebé milagre", teve alta esta terça-feira do Hospital de São João, no Porto. O pai e os responsáveis hospitalares não dão mais informações, mas a administração da unidade de saúde promete uma declaração para esta quarta-feira.

O bebé nasceu a 28 de março, às 4:32, com 31 semanas, seis dias e 1,7 quilos, quase quatro meses depois da mãe ter entrado em morte cerebral.

Catarina Sequeira, canoísta com 26 anos de idade, entrou em morte cerebral em dezembro e foi mantida viva para que pudesse ter o filho.

O parto estava programado para dia 29, mas complicações com a criança obrigaram a antecipá-lo em um dia.

É o segundo bebé a nascer nas mesmas circunstâncias em Portugal. Em 2016, no Hospital de S. José, em Lisboa, nasceu outro "bebé milagre", filho de uma mulher que estava em morte cerebral. Também nesse caso os médicos conseguiram prolongar a gravidez até às 32 semanas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG