Câmara do Porto anuncia mais dez postos para carregar os veículos elétricos

EDP Comercial ganhou cinco dos dez lotes que a autarquia colocou a concurso. Os postos serão instalados até outubro, diz a autarquia.

A cidade do Porto vai ter até outubro deste ano mais 10 postos de carregamento destinados aos veículos elétricos. O anúncio dos resultados do sorteio entre os candidatos foi feito esta semana pela câmara municipal, tendo a EDP Comercial arrecadado cinco dos dez lotes que a autarquia colocou a concurso. Os equipamentos vão começar já a ser instalados, prevendo a autarquia que a operação fique concluída até ao início deste inverno.

Dos quatro candidatos, a EDP Comercial foi o operador que ganhou o maior número de lotes. A praça Francisco Sá Carneiro, a avenida Conselho Europa, a rua Doutor José António Marques, a rua Jornal de Notícias e a rua Nove de Abril são os locais onde ficarão instalados os postos da EDP, que vão permitir carregar dois veículos em simultâneo e no modo DC e AC.

A rua Leonardo Coimbra, a avenida do Parque, a rua Henrique de Medina e a rua José Gomes Ferreira são as restantes artérias onde serão também instalados os postos geridos pelos operadores Horizondistance, Kilometer Low Cost e Mobiletric.

Com os postos de carregamento na cidade do Porto, ao qual se juntam também os lotes da MOBI.E, ganhos recentemente no concurso levado a cabo pelo Governo, a EDP vai passar a gerir 382 pontos ligados à rede pública, por todo o país. Atualmente estão em operação 72 pontos de carregamento ligados à rede pública, mas em espaços privados - parceiros que quiseram aderir à mobilidade, como BP, Repsol, Pestana Hotel Group, Vila Galé, SLB, entre outros.

(Veja tudo sobre mobilidade e o Portugal Mobi Summit em www.portugalms.com)

Mais Notícias