Belcanto. Restaurante de Avillez entre os 50 melhores do mundo

No ano passado, o restaurante com duas estrelas Michelin estava na lista dos 100 melhores, na 75ª posição. O primeiro lugar é ocupado pelo francês Mirazur.

O restaurante Belcanto, do chef José Avillez, entrou pela primeira vez para a lista dos melhores 50 melhores restaurantes do mundo (The World's 50 Best Restaurants), para a 42ª segunda posição.

No ano passado, o restaurante, situado no Largo de São Carlos, em Lisboa, estava na lista dos 100 melhores do mundo, no 75ª lugar.

José Avillez está em em Singapura, onde esta terça-feira foram anunciados os vencedores O chef assumiu o comando do Belcanto em 2012, ano em que ganhou a primeira estrela Michelin - arrecadaria uma segunda dois anos depois.

"Estamos contentes e muito gratos por esta distinção. É muito bom para a equipa do Belcanto, para a Lisboa e para Portugal ver o nosso património gastronómico e o nosso trabalho reconhecido desta forma. Nos últimos anos, a cozinha em Portugal tem vindo a ganhar destaque e este é mais um sinal de que estamos a deixar uma marca positiva", afirmou José Avillez.

No site do The World's 50 Best Restaurants o Belcanto - que este ano sobe 33 posições - é apresentado como o restaurante que mostra as cores verdadeiras da culinária de Lisboa.

Qual é a vibe do Belcanto?, questiona The World's 50 Best. Para logo responder que se trata de um "salão intimista e elegante" que senta apenas 28 pessoas. As obras que levaram o restaurante a mudar-se, já este ano, para a porta ao lado - onde antes funcionava o restaurante Largo - permitiram, no entanto, que o Belcanto passe a acolher 45 comensais.

Eleito como melhor restaurante do mundo, surge o francês Mirazur (Menton). O dinamarquês Noma (Copenhaga) alcança a segunda posição na lista, enquanto o Asador Etxebarri (Axpe, Espanha) ficou com o terceiro lugar.

Apesar de se referir "aos 50 melhores do mundo" a lista incluiu 120 restaurantes - uma homenagem à água S. Pellegrino e Acqua Parma que este ano celebra 120 anos de existência,

Outra das novidades, é que entre as 1040 pessoas que votam para eleger os melhores, há 500 mulheres - um compromisso com a igualdade de género.

Este ano, existe igualmente uma nova categoria: Best of the Best (os melhores dos melhores). O objetivo é deixar espaço para que os primeiros lugares não sejam sempre ocupados pelos mesmos. E assim lá surgem, por exemplo, o El Bulli, The Fat Duck e o El Celler de Can Roca, o Noma original, entre outros.

A lista dos 50 melhores

1. Mirazur (Menton, Françae)

2. Noma (Copenhaga, Dinamarca)

3. Asador Etxebarri (Atxondo, Espanha)

4. Gaggan (Banguecoque, Tailândia)

5. Geranium (Copenhaga, Dinamarca)

6. Central (Lima, Peru)

7. Mugaritz (San Sebastian, Espanha)

8. Arpège (Paris, França)

9. Disfrutar (Barcelona, Espanha)

10. Maido (Lima, Peru)

11. Den (Tokyo, Japão)

12. Pujol (Cidade do México, México)

13. White Rabbit (Moscovo, Rússia)

14. Azurmendi (Larrabetzu, Espanha)

15. Septime (Paris, França)

16. Alain Ducasse au Plaza Athénée (Paris, França)

17. Steirereck (Viena, Áustria)

18. Odette (Singapura)

19. Twins Garden (Moscovo, Rússia)

20. Tickets (Barcelona, Espanha)

21. Frantzén (Estocolmo, Suécia)

22. Narisawa (Tóquio, Japão)

23. Cosme (Nova Iorque, USA)

24. Quintonil (Cidade do México, México)

25. Alléno Paris au Pavillon Ledoyen (Paris, França)

26. Boragó (Santiago, Chile)

27. The Clove Club (Londres, Reino Unido)

28. Blue Hill at Stone Barns (Pocantico Hills, USA)

29. Piazza Duomo (Alba, Itália)

30. Elkano (Getaria, Espanha)

31. Le Calandre (Rubano, Itália)

32. Nerua (Bilbau, Espanha)

33. Lyle"s (Londres, Reino Unido)

34. Don Julio (Buenos Aires, Argentina)

35. Atelier Crenn (São Francisco, USA)

36. Le Bernardin (Nova Iorque, USA)

37. Alinea (Chicago, USA)

38. Hiša Franko (Kobarid, Eslovénia)

39. A Casa do Porco (São Paulo, Brasil)

40. Restaurant Tim Raue (Berlim, Alemanha)

41. The Chairman (Hong Kong)

42. Belcanto (Lisboa, Portugal)

43. Hof Van Cleve (Kruishoutem, Bélgica)

44. Test Kitchen (Cidade do Cabo, África do Sul)

45. Sühring (Banguecoque, Tailândia)

46. De Librije (Zwolle, Holanda)

47. Benu (São Francisco, USA)

48. Ultraviolet by Paul Pairet (Xangai, China)

49. Leo (Bogotá, Colômbia)

50. Schloss Schauenstein (Fürstenau, Suíça)

Mais Notícias