De vítima de assédio sexual a "princesa"

Bae So-Young vivia com aparência de homem desde os 15 anos, quando sofreu uma tentativa de violação. Através do 'reality show' 'Let Me In', sujeitou-se a cirurgias plásticas e encantou o público com o seu lado feminino.

A história de vida de Bae So-Young está a emocionar a Coreia do Sul e o mundo. Aos 15 anos, foi vítima de perseguição sexual e de tentativa de violação, uma trauma que a levou a adotar aparência, comportamentos e até voz masculina, de forma a evitar situações semelhantes.

Mas o desejo de recuperar a sua aparência falou mais alto e, por isso, a jovem decidiu recorrer ao programa Let Me In, produzido no seu país, para ser transformada numa verdadeira "princesa".

Para o efeito, So-Young submeteu-se a nove cirurgias estéticas, entre elas a redução do maxilar, uma rinoplastia, uma operação às maçãs do rosto e olhos, um lifting e uma ortodoxia completa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG