"Estava com muita vontade de voltar ao terreno"

A jornalista da TVI partiu este domingo para a China, onde seguirá a visita oficial de Cavaco Silva. Judite Sousa garante que, para já, está focada na carreira e não pensa "viver um novo amor".

"Gosto imenso de fazer reportagem. Faço questão de mergulhar no terreno. Acho que os jornalistas para crescerem têm que ir ao terreno", lança, entusiasmada, Judite Sousa, que irá como enviada especial da TVI acompanhar a visita de uma semana do presidente português, Cavaco Silva, que se inicia esta segunda-feira na China. Pivô do Jornal das 8 e diretora adjunta de informação da TVI, Judite Sousa admite que nesta viagem irá sentir-se "em casa". "Conheço muito bem a China, já lá fui muitas vezes. Conheço bem Pequim e Shangai e vivi em Macau no início da década de 80. Digamos que é uma região do mundo que me é muito familiar", afirmou, à margem do desfile Primavera/Verão do El Corte Inglés, que decorreu no Palácio Palhavã, em Lisboa.

Aos 54 anos, Judite Sousa, que se separou em julho passado do advogado Fernando Seara após dez anos de casamento, garante estar de energias focadas "na carreira e no trabalho". Questionada pelos jornalistas se pensa voltar a viver uma nova história de amor, reagiu: "Não penso nisso. Se me permito a encontrar alguém? O que acontecer, acontecerá".

Dona de uma elegância invejável, a pivô do Jornal das 8 garantiu que come de tudo mas tem cuidados com a alimentação. "Tanto posso comer um cozido à portuguesa como estar dois dias só a comer iogurtes. Estou sempre muito bem alimentada, como iogurtes magros e frutos secos. Os meus amigos metem-se comigo e dizem que estou anorética, que tenho mentalidade de anorética e que não como nada. Eu costumo dizer: "Eu como. O que eu não como, é todos os dias".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG