61 mil condenados pagam 200 milhões para limpar cadastro

Treinador do Benfica, Jorge Jesus, foi uma das 61 mil pessoas que desde 2012 pagaram para que os processos ficassem suspensos. Ministério Público aplica cem milhões de euros por ano em "castigos". Dinheiro vai para instituições de solidariedade. Este é um dos assuntos em destaque na edição de hoje do DN.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG