Parlamento

Paulo Vizeu Pinheiro

Cibercrime e terrorismo prioritários para coordenador das polícias

A escolha de António Costa para secretário-geral do Sistema de Segurança Interna foi ouvida esta terça-feira no Parlamento, numa audição que suscitou pouco interesse dos deputados e onde não houve objeções. O diplomata, atualmente embaixador na Rússia, já dirigiu as secretas, foi diretor na Defesa e trabalhou com Durão Barroso e Passos Coelho