Difamação

Difamação e injúria

Confirmada condenação de João Araújo. Tem de pagar oito mil euros a jornalista

Juízes dizem que comentários do advogado João Araújo ultrapassam a "crítica sustentada, objetiva e equilibrada, constituindo antes uma ofensa gratuita e desmedida". Em recurso, Tânia Laranjo pedia 20 mil euros por ter ficado conhecida como a "jornalista que cheira mal". Mas tribunal manteve os oito mil euros de indemnização.