cuidados intensivos

Covid-19

Cadeias de transmissão sem controlo

O confinamento já é dado como inevitável, mas o presidente da Associação dos Médicos de Saúde Pública diz que não basta. É preciso o reforço de recursos humanos prometido para se travar cadeias de transmissão, pois "só assim se evita mais infetados". Na medicina intensiva, o médico Pedro Póvoa defende o confinamento, não pelo SNS, mas para que as pessoas sejam bem tratadas.

Covid-19

"Este Natal pode ter sido o último para muitas famílias"

Em dois dias, casos de covid-19 passam barreira dos dez mil. O país está a braços com 417 surtos ativos. E os alarmes voltaram a soar em relação ao agravamento da mortalidade com os 118 óbitos registados ontem. Na próxima semana, estima-se 12 mil casos diários e mais de 120 mortos. "Janeiro vai ser um mês duro", dizem especialistas. "É preço do Natal".