criminalidade violenta

Armas

Matou amigo à tesourada e foi gabar-se para o café

Carlos Costa, 38 anos, foi morto a golpes de tesoura por um jovem amigo de 18 anos. Ricardo Moreira, conhecido na freguesia de Macieira como um indivíduo violento, confessou o homicídio em pleno café onde antes tinha bebido uma cerveja com a vítima. Não soube explicar o motivo do crimeA freguesia da Macieira, em Lousada, está em estado de choque com o assassínio "à tesourada" de um homem que era considerado a "mascote da terra". O assassino foi, alegadamente, outro natural da localidade, um jovem de 18 anos já detido pela GNR e que, por pouco, escapou a um linchamento popular. Horas depois da morte de Carlos Ferreira da Costa, 37 anos, toda a aldeia procurava explicações para o caso.