Circum-navegação

501 anos de Magalhães

"Magalhães é morto na única vez em que passa de corajoso a temerário"

Gianluca Barbera inventa um Elcano velho como narrador e conta a partir do ponto de vista do espanhol a epopeia de Magalhães. É ítaliano como esse Pigafetta que relatou a viagem iniciada a 10 de agosto de 1519 em Sevilha e que a 20 de setembro, faz agora 501 anos, partia de Sanlúcar de Barrameda para a aventura oceânica. A entrevista foi feita a pretexto dos 500 anos e estamos agora a republicá-la.