Carlos Branco

Carlos Branco

Krajina 1995: um genocídio varrido para debaixo do tapete?

No dia 4 de agosto de 2021 assinalam-se 26 anos do início da Operação Storm, a ofensiva do Exército da Croácia contra as forças sérvias da Krajina, que culminou com a derrota em toda a linha do Exército da "República Sérvia da Krajina", seguida da fuga de 250 mil civis sérvios à frente das tropas croatas e o assassínio de cerca de 2500 civis sérvios. Após o fim das operações militares, o Exército croata passou a orientar a sua atuação contra os civis sérvios indefesos, que não representavam uma ameaça militar, levando a cabo uma campanha de assassinatos (dos que não conseguiram ou puderam fugir dada a idade avançada), pilhagens, incêndios de habitações, destruição de colheitas, agressões físicas e humilhações sistemáticas, com a cobertura das mais altas instâncias do Estado croata. A vida na Krajina tornou-se um inferno para os que não conseguiram fugir, um cemitério ao ar livre. Tudo isto perante a passividade da comunidade internacional.