autárquicas

Entrevista

Fernando Medina: "Lisboa vai ter um memorial à escravatura"

O autarca de Lisboa repete as palavras "jovens e classes médias" várias vezes, mas garante que os idosos não foram esquecidos pela cidade. Também gosta de falar de sustentabilidade, ciclovias e até defende o bom serviço da Carris fora da hora de ponta - vê-se que não anda de autocarro, mas de metro e agora cada vez mais de bicicleta. A pandemia está sempre presente, só não quer comentar a recandidatura, contudo espicaça os que criticam o Museu da Descoberta e anuncia que o projeto vai ter início ainda neste mandato.

Opinião

Voto austeritário

O PSD perdeu as eleições. Não vale a pena dourar a pílula: um partido de vocação de governo, com a tradição de ser o maior partido a nível autárquico e com a responsabilidade social e política que tem no país não transforma derrotas em vitórias. Não enterra a cabeça na areia. Não procura bodes expiatórios. Pelo contrário, um partido como o PSD trabalha sobre a crueza dos resultados para se reinventar no futuro. Os portugueses, que olham para o PSD como alternativa, procuram legitimamente respostas a várias questões. Não fugimos delas.