Amnistia Internacional

Amnistia Internacional

"Gás lacrimogéneo é uma forma de tortura quando usado indevidamente"

A pouca regulamentação e transparência no comércio global de gás lacrimogéneo está a ser o combustível de violações dos direitos humanos levadas a cabo pelas forças de segurança a uma escala mundial contra manifestações e manifestantes pacíficos. A denúncia é da Amnistia Internacional, que lança hoje um site em que são analisados e apresentados os maus usos e abusos em todo o mundo desta "arma de controlo de tumultos".

França

Balas de borracha, granadas: Polícia acusada de uso de violência desproporcional

Mais de 17 pessoas terão perdido um olho e há pelo menos três casos reportados de mutilação de mãos nas manifestações dos coletes amarelos. O Conselho de Estado vai hoje examinar um pedido urgente da Liga Francesa dos Direitos Humanos e de uma das principais confederações de sindicatos para que o uso de certas armas pela polícia seja banido. E a comissária do Conselho da Europa para os direitos humanos manifestou preocupação como assunto.

notícias

Amnistia Internacional aponta Twitter como lugar tóxico para as mulheres

Em parceria com a Element AI, a Amnistia Internacional divulgou um estudo sobre as situações de abuso online. Depois de analisados milhões de tweets, a organização avisa que o Twitter é um local tóxico para as mulheres. Mais de 15 milhões de tweets depois, o estudo apoia aquilo que já era conhecido há algum tempo: o Twitter é um local particularmente nocivo para o género feminino. No universo de 15 milhões de tweets, 7% dos tweets recebidos por mulheres ligadas a organizações governamentais ou ao mundo do jornalismo eram de teor abusivo. Segundo a Bloomberg, esta situação atinge dimensões ainda [...]