Startup americana imprimiu uma casa em 3D em menos de 24 horas

Casa ficou em menos de dez mil euros

Uma empresa startup norte-americana "imprimiu" uma casa completa em menos de um dia, usando uma impressora 3D. A pequena casa de 38 metros quadrados foi criada em Stupino, na Rússia, e tem uma casa de banho, uma sala, um corredor e uma cozinha totalmente equipada.

A impressora 3D da Apis Cor, empresa de São Francisco, conseguiu montar paredes à base de uma mistura de cimento que deverá durar 175 anos. Segundo o site da startup, a colocação das paredes, incluindo as divisões internas da casa, demorou menos de 24 horas.

Num vídeo, a empresa explica que apesar do uso das impressoras 3D na construção não ser novidade, "esta é a primeira casa verdadeiramente impressa".

As outras máquinas "imprimem apenas paredes separadas e partes dos edifícios que inevitavelmente têm de ser montadas" depois, explica o vídeo. "As paredes desta casa foram todas impressas no local".

Após as paredes estarem montadas, uma equipa de empreiteiros instalou janelas, portas, teto e fez os acabamentos da obra. No final, a construção da casa ficou por 10134 dólares, cerca de 9600 euros, mas a empresa garante que, ao usar a impressora 3D, cortou os custos em pelo menos 70%.

A Apis Cor diz ainda que a casa tem incluídos um sistema de insonorização e outro de controlo da temperatura e que suporta temperaturas até 60 graus negativos. O teto plano está ainda pronto para aguentar fortes quedas de neve.

Mais Notícias