Piloto aterrou de emergência só com uma hélice

Um avião de passageiros foi forçado a fazer uma aterragem de emergência, na Austrália, depois de uma das hélices ter caído em pleno voo

Eram 12.00 desta sexta-feira quando o voo ZL768, oriundo de Albury, Austrália, aterrou no aeroporto de Sidney só com uma hélice. Extraordinário. O sangue frio do piloto foi também impressionante pois garantiu a aterragem de emergência nestas condições.

Quando fazia a aproximação ao aeroporto de Sidney, a cerca de 1800 metros de altitude, o piloto informou a torre de controlo, muito calmamente, que a sua aeronave tinha acabado de perder uma hélice. A conversa entre a tripulação e a torre de controlo ficou registada.

A bordo seguiam 16 passageiros e três elementos da tripulação, nenhum sofreu qualquer ferimento.

A entidade reguladora dos transportes aéreos australianos já lançou um inquérito para apurar as circunstâncias do acidente. A principal preocupação é encontrar a hélice perdida da aeronave, para que se possa compreender a causas da desintegração. O modelo de avião em causa é um SAAB 340B.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG