Nova cápsula robótica faz colonoscopias mais confortáveis

Cápsula é introduzida no intestino através do reto e depois comandada por um braço robótico equipado com um íman

Um novo dispositivo para colonoscopias usa uma cápsula robótica magnética com 18 milímetros comandada do exterior com um íman, método criado por investigadores nos Estados Unidos que torna mais fácil este tipo de exame ao cólon.

"Não há dúvidas sobre o valor das colonoscopias para detetar o cancro do cólon, mas muitas pessoas evitam este procedimento por terem medo do exame, o desconforto ou o risco por causa da anestesia", afirmou o professor catedrático de medicina Keith Obstein, do centro médico da Universidade Vanderbilt, em Nashville, no estado do Tennessee.

Keith Obstein afirmou esperar que a cápsula, introduzida no intestino através do reto e depois comandada por um braço robótico equipado com um íman, possa ser usada de forma segura e eficaz para identificar e retirar lesões pré-cancerosas e tumores detetados nos exames.

Os investigadores testaram a cápsula, com diâmetro mais pequeno do que o dos endoscópios usados habitualmente nas colonoscopias, 30 vezes no intestino de um porco, verificando que permite fazer mais manobras do que os aparelhos existentes.

Obstein afirmou que a equipa vai fazer testes em humanos, que deverão começar no fim de 2018, segundo a Eurekalert. Enquanto isso, vão continuar a trabalhar no braço robótico que guia a cápsula no percurso pelo intestino.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG