Morreu a empresária madeirense Muriel Ribeiro

A empresária teve uma longa carreira ligada à hotelaria, tendo começado a atividade com uma unidade no Funchal há 47 anos, com uma casa que herdou - a casa madrinha - e transformou em albergaria. Tinha 99 anos.

A empresária madeirense Muriel Ribeiro, de 99 anos, morreu nesta sexta-feira. O presidente da Assembleia Legislativa da Madeira e Representante da República na região apresentaram neste sábado notas de pesar.

Muriel Dilly Henriques de Freitas Santos Ribeiro teve uma longa carreira ligada à hotelaria, tendo começado a atividade com uma unidade no Funchal há 47 anos, com uma casa que herdou - a casa madrinha - e transformou em albergaria.

Em 10 de junho de 2018, foi condecorada pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com o grau de comendador da ordem do Mérito Empresarial, classe do Mérito Comercial.

Em 01 de julho de 2014, Dia da Região, a empresária foi uma das sete personalidades distinguidas "com obra relevante em vários domínios da vida da Madeira e das Comunidades Madeirenses" pelo presidente do Governo Regional à data, Alberto João Jardim.

Numa nota enviada neste sábado às redações, o presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, manifestou o seu profundo pesar pela morte de "uma mulher de fibra que se destacou no turismo e na economia regional", endereçando condolências aos familiares e amigos.

"A senhora Comendadora Muriel Ribeiro teve uma longa vida de serviço à hotelaria de charme e de requinte na região e criou a sua própria marca no turismo regional. Foi uma mulher à frente do seu tempo e que nos deixa um legado de trabalho, de mérito e de empreendedorismo", salientou José Manuel Rodrigues.

Também o Representante da República para a Região Autónoma da Madeira, Ireneu Barreto, apresentou condolências à família e expressou "a sua tristeza pela perda desta ilustre empresária".

"Durante a sua longa e prestigiada carreira na hotelaria madeirense, a senhora Muriel Ribeiro sempre foi uma singular referência na 'arte de bem receber', que tanto caracteriza o destino turístico da Região Autónoma da Madeira", pode ler-se na nota.

Por seu turno, o grupo parlamentar do PSD na Assembleia Legislativa da Madeira anunciou, em comunicado, que vai apresentar um voto de pesar pelo falecimento de Muriel Ribeiro.

Os sociais-democratas recordam que a empresária foi condecorada pelo Presidente da República, em 2018, tendo anteriormente recebido a Medalha de Mérito pelo à data presidente do Governo Regional, Alberto João Jardim.

"A sua visão ajudou a desenvolver o turismo regional e a projetar a Madeira no exterior, sendo, de forma expressiva, uma das figuras mais relevantes da área", considera o PSD.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG