Loulé avança com testes gratuitos à população

Autarquia quer controlar a pandemia no concelho, um dos que estão bloqueados no processo de desconfinamento

Preocupada com o aumento de casos de covid-19 no concelho, a autarquia de Loulé, no Algarve, resolveu avançar com testes antigénio gratuitos para a população residente.

De acordo com a Câmara Municipal, os habitantes do concelho vão poder fazer um teste gratuito por mês, no Estádio Algarve ou em Quarteira. Para tal, basta fazer um agendamento online

"Estamos preocupados com o atual momento que exige medidas urgentes e efetivas para podermos voltar à normalidade no nosso dia a dia. Só identificando os casos se conseguem quebrar as cadeias de transmissão, o que se torna mais relevante numa altura em que circulam estirpes mais transmissíveis do vírus", frisa Vítor Aleixo, presidente da Câmara de Loulé, em declarações reproduzidas pelo Sul Informação.

Loulé está já na linha vermelha correspondente aos municípios de risco elevado de infeção (mais de 120 casos por 100.000 habitantes).

A partir de 1 de Julho, a autarquia de Loulé vai também apoiar a testagem de utentes e funcionários nas instituições particulares de solidariedade social através de um subsídio.

Recorde-se que Loulé, concelho onde se situam algumas das praias mais procuradas do Algarve, reivindicou já que fossem contabilizadas as dormidas diárias em hotéis para que os hóspedes sejam adicionados aos residentes e o cálculo da taxa de incidência de covid-19 seja proporcional ao número real de pessoas que estão num local.

Para a autarquia, o rácio está a ser "erradamente calculado", já que os visitantes estrangeiros não são considerados no total da população, mas, se forem infetados, são incluídos nos casos positivos do concelho. "Esta situação será facilmente corrigida se forem contabilizadas as dormidas nos hotéis de cada concelho e acrescido este número à população dos residentes"

Nesta altura, Loulé integra-se na lista de concelhos que registam, pela segunda avaliação consecutiva, uma taxa de incidência superior a 120 casos por cem mil habitantes nos últimos 14 dias (ou superior a 240 se forem concelhos de baixa densidade). Nestes concelhos, aplicam-se as seguintes regras específicas de controlo da pandemia:

• Teletrabalho obrigatório quando as atividades o permitam;
• Restaurantes, cafés e pastelarias podem funcionar até às 22h30 (no interior, com um máximo de 6 pessoas por grupo; em esplanada, 10 pessoas por grupo);
• Espetáculos culturais até às 22h30;
• Casamentos e batizados com 50 % da lotação;
• Comércio a retalho alimentar, não alimentar e prestação de serviços até às 21h00;
• Permissão de prática de todas as modalidades desportivas, sem público;
• Permissão de prática de atividade física ao ar livre e em ginásios;
• Eventos em exterior com diminuição de lotação, a definir pela Direção -Geral da Saúde (DGS);
• Lojas de Cidadão com atendimento presencial por marcação.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG