Kate McCann acredita que Maddie está viva e perto da Praia da Luz

A mãe da criança britânica desaparecida do apartamento de férias no Algarve há quase 9 anos diz que é lá que se sente perto dela

Kate McCann está convencida de que a filha Madeleine está viva e que quem a raptou não a levou para muito longe da Praia da Luz, no Algarve, de onde desapareceu a 3 de maio de 2007 durante as férias da família.

A mãe de Maddie, que tinha três anos aquando do desaparecimento, afirmou ontem à imprensa britânica que é na Praia da Luz que se sente mais próxima da filha, cujo 13.º aniversário se aproxima. "Era lá que estava e não acho que tenha sido levada para milhões de quilómetros dali", afirmou, acrescentando que tanto ela como o marido, Gerry, acreditam que "provavelmente ela nunca saiu do país".

"É apenas especulação, mas aprendemos que é normalmente esse o caso", disse Kate, falando da experiência ganha ao longo destes anos de investigação. "São quase nove anos e é ridículo e inacreditável. Tu pensas: Meus Deus, poderiam ter sido horas ou um dia", comentou no lançamento de uma campanha para angariar um milhão de assinaturas para alertar para o drama das crianças desaparecidas. "Se pessoas suficientes tivessem sido mobilizadas e galvanizadas antes, quem sabe que resultado teria dado", acrescentou, garantindo que nem ela nem o marido desistirão.

"Ouvimos a todo o momento falar de pessoas que desapareceram durante anos e que foram encontradas. Houve tantos casos desses. Nunca desistiremos", disse, referindo que quer um final, uma resposta "seja ela qual for".

Maddie McCann desapareceu do quarto do apartamento onde a família estava instalada durante as férias enquanto dormia. Os pais jantavam com amigos nas imediações.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG