INE está a recrutar para o Censos. Precisa de 11 mil pessoas

O recenseamento geral da população e da habitação vai decorrer entre abril e junho em todo o país. O INE aceita candidaturas até 15 de fevereiro.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) tem a decorrer o processo de recrutamento de 11.000 recenseadores para o Censos 2021 em regime de prestadores de serviços. O Censos é a maior operação estatística do INE, que implica contabilizar todos os cidadãos e famílias do país, assim como todas as casas e edifícios destinados à habitação.

O instituto procura pessoas com smartphone ou tablet com ligação à internet, bons conhecimentos da área geográfica para a qual se candidatam, com disponibilidade para trabalhar no fim de semana e a tempo parcial durante a semana, e preferencialmente com o 12º ano e transporte próprio.

Também exige ao candidato que esteja coletado nas Finanças como trabalhador independente ou com a possibilidade de recorrer ao Ato Isolado; estar inscrito na Segurança Social como trabalhador Independente ou estar Isento e não possuir dívidas às Finanças e à Segurança Social.

Saiba mais no Dinheiro Vivo

Mais Notícias

Outras Notícias GMG