Óbitos baixam, número de novos casos recua a outubro

Internamentos estão agora nos 3316 (há mais 32, quebrando cinco dias consecutivos de queda) e há 638 pessoas em cuidados intensivos.

Portugal registou nas últimas 24 horas 1186 novos casos de contágio por covid-19 e 65 óbitos, segundo os dados do Boletim Epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) deste domingo (21 de fevereiro).

É o número de mortes mais baixo registado desde 27 de dezembro, quando a DGS reportou 58 óbitos por covid-19. Há exatamente uma semana o boletim contabilizava 138 mortes.

Este domingo é também o dia com menos novos casos registados desde 11 de outubro, quando foram reportados 1090 contágios.

Nesta altura há 3316 pessoas hospitalizadas, mais 32 que no dia anterior - uma subida após cinco dias consecutivos a descer. Ainda assim, há menos 1510 pessoas internadas face ao último domingo, quando as hospitalizações ascendiam a 4826.

Estão 638 doentes em cuidados intensivos, menos 18 que os registados nas 24 horas precedentes.

Recuperaram da doença 2306 pessoas nas últimas 24 horas, para um total de 699 222 infetados recuperados desde o início da pandemia. Nesta altura há 82 341 casos ativos de covid-19, menos 1185 que no dia anterior.

A região de Lisboa e Vale do Tejo continua a registar os números mais altos, quer no que se refere aos contágios (484), quer no número de mortes (35). Segue-se o norte, que conta este domingo 358 novos casos e 11 mortes - um número inferior ao da região centro, com 15 óbitos.

Média semanal de casos e mortes em queda acentuada

Em termos semanais, nos últimos sete dias registaram-se 11 769 casos de covid-19, menos 8573 que na semana anterior. O que significa que a média diária caiu de 2096 para 1681.

Há também uma descida acentuada no número de mortes: 641 esta semana (média de 91,5 dia), por comparação com 1163 contabilizadas na semana anterior (média de 166 dia). Foram menos 522 óbitos no espaço de uma semana.

111 milhões de infetados em todo o mundo, 68 milhões já recuperaram

A pandemia de covid-19 já fez 2,4 milhões de mortos em todo o mundo, dos quais 9.185 nas últimas 24 horas, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Foram oficialmente registados 111 milhões de casos de infeção pelo novo coronavírus e cerca de 68 milhões de pessoas infetadas foram dadas como curadas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG