Suspeito de burlas informáticas detido no Brasil

O homem, de 45 anos, terá desviado verbas para a sua conta

Um português foi detido no Brasil pela presumível autoria de crimes de burla informática e nas comunicações, perpetrados entre agosto de 2004 e fevereiro de 2005, em Barcelos, anunciou hoje a Polícia Judiciária (PJ) de Braga.

Em comunicado, a PJ refere que o detido, de 45 anos, "utilizando dados informáticos de que dispunha por força da sua profissão, fez suas elevadas importâncias monetárias, lesando diversas pessoas".

Na sequência de uma investigação levada a cabo pela PJ de Braga, o homem foi detido no Brasil e entregue às autoridades portuguesas.

Está indiciado por crimes de burla informática e nas comunicações, agravados.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG