'Guerra' entre polícias estragou prevenção no Algarve

A equipa mista de prevenção criminal que o ministro da Administração Interna, Rui Pereira, anunciou há ano e meio para combater a insegurança no Algarve foi extinta em Setembro do ano passado porque as forças e os serviços de segurança que a integravam não se entendiam.

A revelação é do ex-secretário-geral do Sistema de Segurança Interna juiz-conselheiro Mário Mendes, que no despacho de extinção que assinou, quando ainda exercia aquelas funções, apontou como uma das principais falhas a dificuldade na partilha de informação.

Ver mais pormenores no e-paper do DN

Mais Notícias

Outras Notícias GMG