Restaurantes oferecem refeições a famílias carenciadas

Vários restaurantes de Lisboa, Entroncamento e Santa Maria da Feira vão oferecer refeições diárias a quem mais necessita a partir de segunda-feira, depois de um levantamento feito pelas autarquias no seguimento da campanha Direito à Alimentação.

A partir de segunda-feira, aqueles três concelhos oferecerão um número fixo de refeições semanais completas a famílias carenciadas que são identificadas pelos serviços de ação social das autarquias. "Os restaurantes não vão dar sobras, mas vão oferecer um número fixo de pratos solidários por dia, dentro das suas possibilidades", explicou à agência Lusa a porta-voz da campanha Direito à Alimentação, Fernanda Freitas.

"O pão custa zero, o prato custa zero, a sopa custa zero e a fruta custa zero. Ou seja, um prato do dia, não é uma sobra, em vez de ser vendido, é oferecido", descreveu. A campanha Direito à Alimentação, lançada pela Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP), inicia a sua fase piloto com cinco restaurantes no Entroncamento.

Neste concelho, os restaurantes vão disponibilizar cinco refeições por dia, todos os dias da semana, a dez famílias carenciadas. Em Santa Maria da Feira aderiram 30 restaurantes que vão disponibilizar cinco refeições diárias.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG