Polícias ameaçam invadir esquadras em protesto

São 250 agentes de Braga e Famalicão que se queixam de excesso de horas de trabalho: 42 por semana. Já há 16 polícias de baixa.

O aviso é feito em nome de cerca de 250 agentes de Braga e Famalicão numa altura em que já há 16 polícias de baixa: Ou o Comando acaba com o banco de horas, que estará a obrigar os efectivos da investigação criminal e de trânsito a trabalharem 42 horas por semana (em lugar das 36), ou os agentes barricam-se nas esquadras até que a situação seja resolvida. O sindicato garante que a acção de protesto é legal e já avisou a Direcção Nacional da PSP das intenções dos profissionais.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG