Grande operação policial contra venda de droga no Porto

Uma operação policial de combate ao tráfico de droga esta manhã nos bairros portuenses da Pasteleira Nova e de Pinheiro Torres resultou na apreensão de sete mil doses de droga, nove viaturas e 15 mil euros em dinheiro.

Segundo adiantou à agência Lusa o subintendente da PSP Rui Mendes, comandante da operação, esta teve início pelas 09:30 e ainda decorria pelas 12:00, envolvendo cerca de 250 elementos policiais, encarregues de realizar 32 buscas domiciliárias naqueles bairros e em algumas habitações da "zona envolvente".

"É uma operação essencialmente relacionada com o crime de tráfico de estupefacientes, no âmbito de uma investigação que já tem cerca de meio ano", disse.

Segundo esclareceu, trata-se de uma "rede em que a venda de estupefacientes era essencialmente feita nos bairros de Pinheiro Torres e da Pasteleira Nova", tendo, depois, "algumas casas à volta destes dois bairros que serviam para guardar a droga".

De acordo com o subintendente Rui Mendes, a operação está ainda "no início e não se prevê o final", mas traduziu-se já na apreensão de "alguns milhares de doses de droga" (heroína, cocaína e haxixe) e de uma quantia indeterminada de dinheiro, assim como em "várias detenções".

A decorrer, para já, "sem nenhum incidente a registar", a operação da PSP envolve meios da divisão de investigação criminal do Porto, que é a titular do inquérito e da investigação, com a colaboração da unidade especial de polícia, quer através do grupo de operações especiais, quer através do corpo de intervenção.

Em declarações à Lusa, o subintendente da PSP Rui Mendes afirmou que "os resultados preliminares" apontam para "mais de 20 detenções, cerca de 7.000 doses de droga apreendidas, essencialmente de heroína e cocaína, nove viaturas apreendidas, a maioria de gama alta, e cerca de 15 mil euros em dinheiro" apreendidos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG