Buscas de desaparecido na praia são retomadas 4.ª feira

A Policia Marítima vai suspender, esta noite, as operações de busca de um homem, alegadamente desaparecido na Praia Norte, em Viana do Castelo, anunciou o comandante da Capitania local, acrescentando que serão reatadas quarta-feira.

"Estamos a falar apenas de uma suspeita, não temos qualquer desaparecimento confirmado ou participado. Mesmo assim vamos manter algum dispositivo, com passagens pelo local", explicou Vítor dos Santos. O alerta foi dado por pescadores lúdicos que se encontravam na Praia Norte, em Viana do Castelo, cerca das 12:30 horas, e que, a dado momento, deixaram de ver o alegado desaparecido, com cerca de "60 a 65 anos", mas sem o conseguirem identificar.

"Viram-no antes e depois aperceberam-se que tinha deixado uns chinelos e que estes estavam a ser levados pela água. Foram à zona das rochas procurá-lo e já não o encontraram, pelo que nos deram o alerta", acrescentou o comandante da Capitania. Foi então accionado o dispositivo marítimo, com buscas através de duas lanchas semirrígidas, elementos da Policia Marítima apeados e, entre as 15:30 horas e as 16:30 horas, um helicóptero da Força Aérea.

"A não ser uns chinelos e um pequeno saco sem nada no interior, não temos mais qualquer elemento, para além do relato, a que atribuímos veracidade, dos dois pescadores", sublinhou Vítor dos Santos. A Capitania admite voltar às operações de busca, caso surja alguma participação de desaparecimento por parte de familiares ou alguma nova informação.

"Temos apenas hipóteses. Entretanto a Policia Marítima vai efectuar umas passagens pelo local, ao longo do dia de amanhã [quarta-feira], nesta zona rochosa. Sem mais informações não vamos reactivar o esforço das buscas", concluiu o comandante.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG