MP abre inquérito para determinar causas do acidente

O Ministério Público da Sertã abriu um inquérito para determinar as causas do acidente de domingo com um autocarro de turismo, que causou a morte a 11 pessoas, informou hoje fonte da Procuradoria-Geral da República.

"Na sequência da participação elaborada pela GNR, reportada ao acidente ocorrido ontem [domingo], foi registado inquérito nos serviços do Ministério Público da comarca da Sertã, em cujo âmbito se apurarão as causas do acidente", lê-se numa resposta enviada à agência Lusa.

Um autocarro com matrícula espanhola despistou-se, ao início da manhã de domingo, no IC8, no nó do Carvalhal, concelho da Sertã, e provocou 11 mortos e um número elevado de feridos, alguns dos quais em estado grave.

A viatura, transportando um grupo de 44 pessoas, quatro das quais crianças, partira de Portalegre em direção a São Paio de Oleiros (Santa Maria da Feira), para uma visita a uma exposição denominada "O maior presépio do mundo".

Dez das 11 vítimas mortais do acidente eram residentes no concelho de Portalegre, tendo a câmara municipal decretado dois dias de luto.

A outra vítima mortal era do concelho de Monforte.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG