Michael Antunes é o novo presidente da Parque Expo

O director financeiro da Parque Expo, John Antunes, vai assumir a presidência da empresa cuja extinção foi anunciada em Agosto, prevendo-se que o seu mandato dure até 2013, anunciou hoje a ministra do Ambiente, Assunção Cristas.

A ministra da Agricultura, Mar, Ambiente e Ordenamento do Território, revelou ter hoje informado o presidente cessante da empresa de que o Governo tinha encontrado um substituto dentro da Parque Expo.

"O Governo procurou encontrar uma solução de alguém que conhecesse bem a parque Expo, estivesse por dentro dos constrangimentos financeiros e não precisasse de ir aprender, porque o tempo urge", referiu.

A pessoa "com esse perfil" é John Antunes, actual director financeiro da empresa, que cumprirá o mandato "definido pelo Governo" - que não deverá ir além do ano de 2013 -, anunciou hoje Assunção Cristas em Faro.

A ministra falava aos jornalistas à margem de uma sessão inserida nas comemorações do Dia do Município, na Câmara de Faro, durante a qual foram assinados protocolos para a requalificação ribeirinha da cidade.

Segundo a governante, a prioridade do novo responsável é "pegar nos activos" da empresa, como o Pavilhão Atlântico, e tratar das negociações para "realizar valor e ir abatendo a dívida".

O novo presidente deverá assumir funções "muito rapidamente", porque quer este quer o presidente cessante estão "totalmente informados" da transição que, do ponto de vista formal, deverá durar apenas "escassos dias", acrescentou.

Segundo Assunção Cristas, a duração do mandato será a necessária para levar a missão final da empresa "a bom porto", o que poderá não ser alcançado já em 2012, pelo que a ministra prevê que em 2013 o assunto "esteja tratado".

A Parque Expo foi criada em 1993 para construir, explorar e desmantelar a Expo 98, mas desde então alargou o seu leque de negócios.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG