Mãe prostituía filha de 13 anos com homem de 58

A mãe da rapariga, de 44 anos, levava a própria filha, de 13 anos, à residência do alegado abusador sabendo que a menor ia ser forçada a atos sexuais.

Um homem que terá abusado durante dois anos de uma menor de 13 anos e a mãe da vítima, que incentivava a estes encontros sexuais, foram detidos pela PJ da Guarda e ficaram em prisão preventiva, depois de presentes ao juiz. São fortemente suspeitos da prática continuada, desde há aproximadamente dois anos, dos crimes de lenocínio (incentivo à prostituição) e de abuso sexual agravado de uma menor.

Os abusos foram alegadamente cometidos em Celorico da Beira pelo homem, de 58 anos, com o incentivo da mãe da rapariga, de 44 anos, que levava a própria filha à residência do alegado abusador sabendo que a menor ia ser forçada a atos sexuais.

Segundo o comunicado da Judiciária, os dois detidos são ainda suspeitos da prática de atos da mesma natureza em relação a uma irmã mais velha da menor, hoje já com 21 anos de idade.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG