Inspetor da PJ e elemento da PSP agridem-se na prisão onde está Sócrates

A discussão entre o inspetor João Sousa e o ex-PSP José Gomes aconteceu frente à cabine telefónica da prisão onde está José Sócrates.

O inspetor da PJ de Setúbal, João Sousa, que está a cumprir prisão preventiva por ser suspeito de crimes na chamada "rede do ouro", e um ex-elemento da PSP, José Gomes, agrediram-se fisicamente em frente à cabine telefónica da cadeia de Évora, onde está detido José Sócrates. A desordem aconteceu ao início da tarde de hoje.

Segundo soube o DN de fontes prisionais, a discussão que levou à agressão a murro esteve relacionada com o facto de um deles querer falar ao telefone e o outro estar atrás a fazer muito barulho.

O ex-PSP José Gomes sofreu alguns ferimentos e terá exigido ser transportado de ambulância ao hospital de Évora, acompanhado dos guardas prisionais, para poder juntar o relatório hospitalar a uma queixa-crime que vai apresentar contra o inspetor João Sousa, adiantaram as mesmas fontes.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG