Elementos da Greenpeace ouvidos em tribunal

Os elementos da organização ambientalista Greenpeace que foram detidos no sábado antes da final da Liga dos Campeões estão a ser ouvidos no Tribunal de Pequena Instância de Lisboa, local onde devem voltar a 11 de junho.

O grupo foi detetado pela PSP quando se preparava para um protesto contra a empresa energética russa Gazprom, um dos patrocinadores da prova que teve como finalistas o Real Madrid e o Atlético de Madrid - que perdeu o desafio por por 4-1.

De acordo com o que soube o DN, o Ministério Público (MP) está a ouvir os detidos - um português e nove espanhóis - pedindo-lhes esclarecimentos sobre a ação que pretendiam levar a cabo.

Certo é que nenhum será julgado hoje em processo sumário. É que depois desta sessão, o MP tem 20 dias para produzir provas contra o grupo. Daí ter sido agendada uma nova sessão para 11 de junho, onde saberão se vão ser julgados ou se o caso fica arquivado.

Hoje, após as audições sairão em liberdade, com a obrigação de se apresentarem no Campus da Justiça no próximo mês.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG