Diretor da PJ Militar não recebeu convite para encerramento do curso dos comandos

O coronel Luís Augusto Vieira não irá à cerimónia desta sexta-feira porque não recebeu o convite formal habitual

O diretor-geral da Polícia Judiciária Militar não recebeu o habitual convite para a cerimónia de final de curso dos Comandos.

A notícia é avançada esta quinta-feira pelo Expresso no seu site, dizendo que é a primeira vez que tal acontece.

O coronel Luís Augusto Vieira, que também é comando, "costuma ser uma das presenças certas neste tipo de cerimónias organizadas pelo Exército", escreve o jornal, acrescentando que este ano irá faltar "por falta de convite formal".

Esta sexta-feira, 23 dos 67 recrutas que iniciaram o 127.º curso de comandos vão receber a boina, o diploma e o dístico.

A Polícia Judiciária Militar está a investigar, desde 4 de setembro, as causas da morte de Hugo Abreu e Dylan Silva, dois instrumentos que foram vítimas de "um golpe de calor". Foram constituídos sete arguidos no processo, todos militares com responsabilidades no curso, incluindo o médico.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG