DGS confirma 5 mortos por legionela mais 4 em investigação. Número de casos subiu para 302

Direção-Geral de Saúde fez o ponto de situação e salienta que desde ontem foram registados 24 novos casos de infeção. Número total de mortes poderá chegar a nove.

Continua a aumentar os casos de legionela em Portugal. O número vai agora em 302, com 24 novos casos desde ontem (há uma discrepância com os dados da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), que indicam 27 novos casos). A região de Lisboa e Vale do Tejo é a mais afetada com 291 casos, segundo a Direção-Geral de Saúde (DGS). A Norte existem quatro situações de legionela, mais dois no Algarve e outros tantos no estrangeiro (Luanda e Lima).

A DGS refere ainda, em comunicado, que estão confirmados "cinco óbitos por Doença dos Legionários, estando outros quatro em investigação". Um número diferente daquele avançado pela ARSLVT que ao fim da manhã falava em sete óbitos confirmados.

É ainda salientado que "toda a evidência sugere que o surto está circunscrito às freguesias de Póvoa de Santa Iria, Forte da Casa e Vialonga, em Vila Franca de Xira, zonas às quais se ligam todos os casos identificados".

Quanto às investigações para averiguar a fonte de contaminação, a DGS diz que "continuam a decorrer em estreita colaboração entre os Ministérios da Saúde e do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia com a participação de outras agências como o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG