Descarrilamento no Metro fere maquinista

O descarrilamento de uma composição do Metro de Lisboa que estava a fazer inversão de marcha na estação do Aeroporto, num dos extremos da Linha Vermelha, provocou esta terça-feira ferimentos no maquinista.

Segundo a fonte policial, o comboio que já não transportava passageiros "não conseguiu parar a tempo e embateu na parede".

De acordo com o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), o alerta foi dado às 12.38 e o acidente provocou um ferido sem gravidade, um homem de 42 anos, "com suspeita de fratura num punho e diversas escoriações".

O homem foi levado para o Hospital de São José.

No local estiveram uma ambulância e uma viatura médica de emergência e reanimação (VMER) do INEM, bem como, segundo fonte dos Sapadores Bombeiros de Lisboa, três viaturas deste regimento com 10 operacionais.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG