Centenas de pessoas nas cerimónias fúnebres

Várias centenas de pessoas participaram hoje, em Portalegre, nas cerimónias fúnebres de oito das 11 vítimas do acidente com o autocarro de uma excursão, ocorrido, no domingo, no IC-8, no concelho de Sertã.

A missa, realizada esta manhã, foi presidida pelo bispo de Portalegre e Castelo branco, Antonino Dias, e baseou-se nos mistérios da morte e na preparação dos fiéis para essa etapa.

Com a Sé Catedral de Portalegre completamente cheia, dezenas de populares concentraram-se também no exterior, nas imediações do espaço.

Nos rostos de todos, como foi possível constatar no local, eram bem visíveis os sinais de dor e de luto.

Das 11 pessoas que morreram devido ao despiste do autocarro, 10 eram do concelho de Portalegre, enquanto a outra vítima mortal era do vizinho concelho de Monforte, da freguesia de Assumar.

O autocarro que se despistou no domingo partira de Portalegre em direção a São Paio de Oleiros (Santa Maria da Feira), para uma visita a uma exposição denominada "O maior presépio do mundo".

A viatura, de matrícula espanhola, transportava um grupo de 44 pessoas, incluindo quatro crianças.

Todas as vítimas mortais eram adultos com idades compreendidas entre os 50 e os 70 anos.

O Ministério Público da Sertã e a empresa Estradas de Portugal abriram inquéritos para determinar as causas do acidente.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG