Bispo do Porto alerta para "tremenda tragédia social"

O bispo do Porto alertou hoje para uma "tremenda tragédia social" caso a instituição familiar venha a sofrer retrocessos devido à crise e apelou à planificação da sociedade e do trabalho em torno da família.

"É exatamente porque reconhecemos na família o maior e mais pedagógico sustentáculo da sociedade que todos, por motivos religiosos ou humanitários, devemos dar-lhe o apoio social e a primazia legal que indubitavelmente merece", disse o bispo do Porto, Manuel Clemente, durante a missa de Ano Novo.

O também Prémio Pessoa 2009 citou a mensagem do Papa Bento XVI para o dia mundial da paz de 2012, com o título "Educar os jovens para a justiça e paz", lembrando os progressos alcançados ao longo dos séculos, com a dignificação da mulher, dos pais, dos filhos e dos parentes idosos, bem como a "santificação da própria instituição familiar".

Assim, disse Manuel Clemente, "voltar atrás em qualquer um destes pontos seria uma tremenda tragédia social com graves riscos para a solidariedade e a paz que têm geralmente na família a sua primeira e indispensável pedagogia".

O bispo do Porto acrescentou, ainda, que é que preciso dar às famílias que se constituam "condições materiais e emocionais que as tornem mais sustentáveis e até apetecíveis, planificando a sociedade e o trabalho em função das famílias e da respetiva unidade e não de modo meramente individual e disperso".

Manuel Clemente recordou os tempos de crise conjuntural que se fazem sentir na atualidade e apelou a que não se deixe que "os mesmos fatores individualistas ou economicistas que negativamente provocaram [a crise] prevaleçam agora, ainda que de outra maneira, sobre os fatores familiares e personalistas que foram por demais esquecidos".

O superar da crise só será atingido, segundo o bispo, se houver um empenho "ao máximo" nos elementos realçados pelo Papa Bento XVI na sua mensagem, ou seja, na criação de "condições de trabalho, [de] condições de convivência familiar, [de] transmissão de convicções".

Mais Notícias