Sindicalistas protestam em Lisboa

Cerca de um milhar de sindicalistas da CGTP iniciaram por volta das 16:30 um desfile de protesto em direção à residência oficial do primeiro-ministro, para reivindicarem novas políticas e protestar contra as alterações da legislação laboral.

Os dirigentes e ativistas sindicais saíram do Hotel Altis, em Lisboa, onde estiveram reunidos durante o dia no Plenário Nacional de Sindicatos da CGTP. A manifestação não estava marcada, mas a sua realização foi decidida no decurso do debate.

O objetivo do desfile é entregar ao primeiro-ministro uma resolução reivindicativa que foi hoje aprovada no final do debate.

A proposta foi apresentada por Joaquim Dionísio, da comissão executiva da CGTP, que fez uma intervenção sobre as alterações ao Código de Trabalho.

No final do Plenário Nacional de Sindicatos, órgão máximo entre congressos - que desta vez FOI aberto aos delegados sindicais e comissões de trabalhadores -, os participantes saíram à rua para ir à residência oficial do primeiro-ministro manifestar o seu descontentamento a Passos Coelho.

O Conselho Nacional da CGTP decidiu na semana passada que a ação sindical vai intensificar-se ao longo do verão e marcou o Plenário Nacional de Sindicatos para hoje para discutir as alterações da legislação laboral e as medidas a tomar.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG