Secretário regional da Educação escusa-se a confirmar se vai representar Jardim

O secretário regional da Educação e Recursos Humanos, Jaime Freitas, disse hoje que estará presente na sessão plenária da moção de censura do PS-M contra o Governo Regional mas escusou-se a confirmar se representará Alberto João Jardim.

"Vou comparecer, sou membro do Governo Regional e obviamente que, enquanto tal, desenvolverei qualquer ação solicitada pelo senhor presidente do Governo Regional", asseverou, à Agência Lusa, escusando, contudo, a confirmar se vai ou não representar o chefe do executivo madeirense, o principal visado na moção de censura do PS-M que o acusa de "mentir" ao povo madeirense.

O Gabinete da Presidência do Governo Regional também escusou-se a confirmar a presença de Alberto João Jardim na Assembleia Legislativa.

O dirigente do PND-M, Baltasar Aguiar, já sublinhou, no entanto, não reconhecer "qualquer autoridade" a um secretário regional que está em funções há três meses para defender o Governo Regional da moção de censura que versa sobre os últimos dez anos de governação.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG