Rui Rio. "O regime está doente e divorciado dos seus próprios princípios"

Líder do PSD, no seu discurso nas cerimónias do 25 de Abril, alertou para a incapacidade de resposta do sistema às expectativas do povo "nomeadamente na Justiça".

Rui Rio subiu ao púlpito para lembrar que Portugal assinala hoje o início do regime, "num clima de algum descontentamento e descrédito".

E uma das principais razões desse descrédito é o fosso criado entre a capacidade de resposta do sistema e as expectativas do povo que é suposto servir, nomeadamente na Justiça.

"A falta de eficácia do sistema de justiça para responder ao que se exige num estado de direito democrático é uma das principais insatisfações do povo português", defende o líder do PSD.

"Quando se ouve o politicamente correto dizer 'isto é a justiça a funcionar', o povo sabe bem que isto é a justiça a não funcionar, só se pode revoltar", diz Rio.

"O regime está doente e divorciado dos seus próprios princípios", acrescenta o presidente social-democrata.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG