Promoções e admissões nas Forças Armadas autorizadas

O ministro da Defesa, Aguiar-Branco, anunciou hoje que foram autorizadas promoções e admissões nas Forças Armadas para o ano 2013, referindo que as decisões não vão resultar num aumento da despesa global com pessoal.

"É o resultado desse esforço que me permitiu assinar esta semana, em conjunto com o Ministro de Estado e das Finanças, o despacho que autoriza as promoções nas Forças Armadas para o ano 2013", disse, durante a cerimónia do Dia da Marinha, que decorreu no Barreiro.

Aguiar-Branco garantiu que a decisão não provoca um aumento da despesa global com pessoal e referiu que foi também autorizada a proposta de admissões nas Forças Armadas, em regime de contrato e de voluntariado, para o ano de 2013.

"Sei que não vão faltar vozes, nos próximos dias, a criticar estas medidas. De um lado, aqueles que encontrarão nelas um qualquer motivo para dizer que não são suficientes. Do outro, os que dirão que estamos perante mais uma evidência do privilégio dos militares", salientou.

O ministro explicou que as decisões foram tomadas com base numa "gestão criteriosa dos recursos disponíveis e no cumprimento rigoroso das metas orçamentais", mas também no que considera ser o "justo reconhecimento da especificidade da condição e da estrutura militar".

"Tudo isto é muito mais importante que algumas notícias, umas quantas críticas ou uns tantos desagrados. É mesmo muitíssimo mais importante que a popularidade do ministro nesta ou naquela sondagem", concluiu.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG