Pedro Passos Coelho não comenta vitória de Costa

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, escusou-se hoje a comentar a vitória de António Costa nas eleições primárias do PS, mas realçou que um chefe de governo "está sempre preparado para qualquer circunstância".

"É natural que queiram saber as minhas opiniões sobre o PS, mas, verdadeiramente, haverá pessoas em melhores condições de fazer pronúncias sobre isso do que eu", disse.

Questionado pelos jornalistas sobre se vai ter vida mais difícil agora, devido à vitória de António Costa, Passos Coelho limitou-se a responder: "Um primeiro-ministro está sempre preparado para qualquer circunstância. Não faço comentários, portanto, sobre o PS".

Pedro Passos Coelho falava aos jornalistas em Estremoz, onde presidiu à inauguração do novo quartel do Destacamento Territorial da GNR, que envolveu um investimento a rondar os 4,3 milhões de euros.

António Costa venceu, no domingo, as primárias do PS, ao recolher 118.454 dos 174.516 votos que os militantes e simpatizantes do partido depositaram nas urnas.

Com este resultado, António Costa conquistou 67,88% dos votos dos socialistas, contra 31,65%, ou 55.239 votos, de António José Seguro.

Os resultados das primárias do PS estão fechados, mas a página da Internet www.psprimarias2014.pt salienta serem ainda resultados finais provisórios.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG