Ministra da Justiça diz que quem põe em causa uma instituição deve demitir-se

Paula Teixeira da Cruz reagiu à detenção da secretária-geral do Ministério da Justiça e do presidente do Instituto dos Registos e Notariado no âmbito das suspeitas de corrupção com vistos gold.

A ministra da Justiça considerou hoje que "qualquer pessoa que ponha em causa uma instituição deve imediatamente apresentar o seu pedido de demissão ou de suspensão de funções".

Paula Teixeira da Cruz falava à agência Lusa quando questionada sobre o eventual afastamento do cargo da secretária-geral do Ministério da Justiça (MJ), Maria Antónia Anes, e do presidente do Instituto dos Registos e Notariado, António Figueiredo, hoje detidos âmbito de uma investigação sobre a atribuição de vistos "gold".

"Qualquer pessoa que ponha em causa uma instituição deve imediatamente apresentar o seu pedido de demissão ou o seu pedido de suspensão de funções em função daquilo que é a imagem das instituições e da instituição que dirige. Portanto, seguirei a minha linha, como sempre segui", afirmou a ministra.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG