"Há empresas a recusar certificados da Lusófona"

Manuel Damásio, administrador da Universidade Lusófona, admitiu ontem à noite em entrevista à TVI, que casos como o de Miguel Relvas têm um impacto negativo na credibilidade da instituição, penalizando os próprios alunos.

"Nós sabemos, neste momento, que incrivelmente há empresas que estão a recusar os certificados da licenciatura dos alunos da Lusófona, porque dizem que essa é aquela universidade onde há problemas. Isto é uma situação incrível de ignorância de pessoas que não sabem o que são direitos humanos e o que é respeitar o bom-nome das pessoas", lamentou o responsável.

Questionado sobre os motivos que levaram a universidade a anunciar que vai desencadear uma auditoria externa aos processos semelhantes ao de Relvas, Damásio explicou que se tratou de uma "sugestão dos próprios estudantes", para afastar as dúvidas que pairam sobre a credibilidade da instituição.

"Não vejo necessidade disso, mas aceito que se faça", acrescentou.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG