Educação, IRS e Justiça dividem Governo

A recusa em baixar impostos está a deixar Passos Coelho isolado. A colocação dos professores e o Citius agravam os desentendimentos na coligação PSD/CDS.

Paulo Portas quer negociar um compromisso para reduzir a "incomportável" carga fiscal e tem o apoio de alguns ministros, ex-ministros e deputados dos dois partidos. "Há uma grande maioria dentro da maioria favorável à redução do IRS." A indecisão de Passos está a abrir brechas na governação. Mas há mais. O PSD está irritado com o secretário de Estado do Ensino (CDS) e exige explicações sobre uma "situação de proporções inaceitáveis", que leva hoje os professores à rua. Na Justiça, além das críticas do CDS, há ainda o incómodo da PGR. "A situação é complexa."

Leia mais na edição e-paper do DN

Mais Notícias

Outras Notícias GMG