Aguiar-Branco defende que pode ser ministro e candidato

O social-democrata José Pedro Aguiar-Branco defendeu hoje que a sua candidatura pelo PSD à presidência da Assembleia Municipal do Porto é acumulável com as funções de ministro da Defesa Nacional.

"Claro que considero que é acumulável", afirmou o ministro José Pedro Aguiar-Branco, em resposta à comunicação social, na conferência de imprensa sobre as conclusões do Conselho de Ministros.

O ministro da Defesa Nacional do Governo PSD/CDS-PP nada mais acrescentou sobre este assunto.

O candidato do PSD à presidência da Câmara Municipal do Porto, Luís Filipe Menezes, anunciou hoje, em conferência de imprensa, que José Pedro Aguiar-Branco vai ser o número um da lista social-democrata à Assembleia Municipal do Porto.

Portuense, e advogado de profissão, José Pedro Aguiar-Branco já ocupou o cargo de presidente da Assembleia Municipal do Porto, entre 2005 e 2009, durante o segundo mandato autárquico do atual presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Rio.

O agora ministro da Defesa Nacional foi um dos principais apoiantes da primeira candidatura do social-democrata Rui Rio à Câmara do Porto, numa altura em que a escolha da então direção nacional do PSD de Durão Barroso contrariou a vontade da estrutura distrital social-democrata, então liderada por Luís Filipe Menezes.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG