Pedro Marques eleito vice-presidente da bancada parlamentar dos socialistas europeus

Ex-ministro de António Costa confirmou ao DN a eleição, ocorrida nesta terça-feira. É o único português a ocupar tal posição nesta legislatura.

O eurodeputado socialista Pedro Marques foi nesta terça-feira eleito vice-presidente do grupo da Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas no Parlamento Europeu (S&D), confirmou o próprio ao DN.

É o único português a ocupar tal posição no PE nesta legislatura.

O ​​​​​​​ex-ministro das infraestruturas de António Costa sucede assim à maltesa Miriam Dalli, que tinha deixado o lugar em novembro.

"Já tive a oportunidade de agradecer aos meus camaradas do grupo S&D a confiança que depositaram em mim. Esta eleição é, evidentemente, importante para mim e para delegação do PS no Parlamento Europeu. É mais uma demonstração do trabalho que aqui desenvolvemos. Pela minha parte garantirei, como sempre, um trabalho constante e sem qualquer esmorecimento, que contribua para uma cada vez maior influência das políticas S&D no Parlamento Europeu", afirmou, numa declaração à Lusa.

Quando apresentou a sua candidatura, em carta aberta enviada à líder do grupo, a espanhola Iratxe García Pérez, e aos restantes companheiros de bancada, Pedro Marques assegurou possuir "total apoio" dos restantes eurodeputados portugueses nesta sua candidatura.

Afirmou ainda estar na disposição de contribuir para combater os populismos, uma das suas principais prioridades: "Não devemos subestimar o que está a acontecer em alguns países, com o crescimento de partidos nacionalistas, xenófobos e antieuropeístas", escreveu.

Acrescentou também que a redução das desigualdades, os direitos humanos e a luta contra as alterações climáticas seriam as suas outras preocupações.

O gabinete do grupo dos Socialistas e Democratas no Parlamento Europeu é formado por um presidente e nove vice-presidentes. O S&D é a segunda maior bancada do Parlamento Europeu, a seguir ao Partido Popular Europeu (PPE).

Eleito para o PE pelo Partido Socialista nas últimas eleições europeias, de 2019, Pedro Marques é atualmente membro das comissões dos Assuntos Económicos e Monetários e do Desenvolvimento Regional, e faz parte da subcomissão dos Assuntos Fiscais, da delegação para as Relações com os Países do Magrebe e a União do Magrebe Árabe, incluindo as comissões parlamentares mistas UE-Marrocos, UE-Tunísia e UE-Argélia e da delegação para as Relações com a Índia.

Notícia retificada às 20:00. Esclarece que é o primeiro português a ocupar esta posição nesta legislatura.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG