Rio volta a criticar PCP sobre Avante!. Comunistas respondem: "O ridículo não tem limites"

O líder do PSD tinha criticado a realização da festa dos comunistas, que responderam através das redes sociais.

"O ridículo não tem limites". Foi desta forma que o PCP reagiu às críticas de Rui Rio, líder do PSD, à realização da Festa do Avante, entre os dias 4 e 6 de setembro no Seixal, que aludiu ao facto de na Alemanha terem-se realizado concertos em recintos fechados com um máximo de duas mil pessoas.

Numa publicação no Twitter, o PCP respondeu que o espaço da Festa do Avante é "cerca de oito vezes maior e ao ar livre"

Na noite de sábado, Rui Rio partilhou uma notícia que dava conta de uma experiência da Universidade de Halle, na Alemanha, que organizou vários concertos com capacidade máxima para duas mil pessoas cada um, com o objetivo de testar a forma mais segura de poderem voltar a ser realizados estes eventos.

"Nós cá em Portugal estamos muito à frente. Vamos testar com 33.000 na Quinta da Atalaia. O PIB deles [Alemanha] é 16 vezes maior do que o nosso e nós testamos com 16 vezes mais público. Nalguma coisa temos de ser maiores", escreveu o líder do PSD na sua conta de Twitter.

Mais Notícias